Ponto de partida

As palavras sugerem vultos,
Os vultos sugerem imagens,
As imagens pessoas, coisas.
As pessoas e coisas reais
Podem ser o caminho,
Um ponto de partida
Aos nossos ancetrais,
Às nossas reízes,
À simplicidade do pensar,
À pureza das intenções,
Ao desejo do subime…

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

QUEM ESCREVE

ALTINO FARIAS

Brasileiro, 57 anos, curto carros antigos, boa música, praia e encontros com amigos para “bebemorar” a vida. Discutir e expressar ideias são grandes prazeres, e a escrita tem o dom de dar forma permanente ao que se pensa.

Os comentários estão desativados.